Poesia

O GARDIÃO DA NOITE

Português: Grilo, Minas Gerais, Brasil

Um grilo serrando a noite:

Cri-cri-cri!

Um galo invocando o dia:

Cocoricó!

E o corujão sempre só:

só só só…

olhando a lua vadia.

Cineas Santos

 

Enhanced by Zemanta