Breaking News
Home / Poesia / Quero partir na calada da noite

Quero partir na calada da noite

Double gull

Quero partir na calada da noite

Quando dormem todas as dores

E sonham todos os amores.

Quero partir na calada da noite

Quando a Terra nina as sementes

E a lua vigia os namorados.

Quero partir na calada da noite

Quando as flores bebem o orvalho

E  as estrelas enfeitam o firmamento.

Cortejo silencioso

Sem choro

Sem lamento

Adeus, adeus, adeus… na calada da noite.

Carmem Sueli

 

 

 

 

 

 

Enhanced by Zemanta

Bom ler também!

ULTIMATUM

Mandato de despejo aos mandarins do mundo Fora tu, reles esnobe plebeu E fora tu, …